A atriz e modelo Megan Fox assumiu que é bissexual, mas no momento namora um homem

Depois de beijar apenas homens  e de repente entrar em um novo mundo (o das mulheres), descobri que não é assim tão fácil entendê-las (talvez os homens não estivessem “tão” errados).

Listei algumas coisas que analisei depois de me envolver com algumas (com a maioria rapidamente, diga-se de passagem). E, por favor, me corrijam se eu estiver errada.

Olhar
- Em uma balada GLS, você nunca sabe se uma mulher está realmente te olhando. A maioria disfarça muito bem. Dizem que um bom indício de uma “verdadeira” troca de olhares é quando se recebe um sorriso. Depois disso, sinal verde para investir. Mas algumas meninas são muito sérias para isso. Já os homens…

Palavras
Se você se acha sensível, saiba que terá de dobrar a sua sensibilidade se estiver com uma mulher. Elas são mais detalhistas e se apegam a tudo o que você fala. Parece óbvio isso, mas a gente só percebe realmente quando está com uma. Ou seja, se você era sensível com os homens, seja muito mais com as mulheres.

Segurança
É preciso passar muita segurança para sua parceira. Ela pode se fingir de durona, mas a maioria é atriz de primeira categoria.

Abordagem
Essa é a mais difícil. Não funciona muito perguntar se a garota gosta de mulher quando estiver em uma balada – pelo menos se ela parece muito “heterossexual”. Tentar algo mais “descontraído” pode ser um bom caminho. Se alguém tiver dicas de abordagem, compartilhe. Essa é de uma amiga, mas não sei se é eficaz: “Se eu conversar com você agora, corro o risco de apanhar de alguém?” No mínimo, se a garota for simpática, você ganha um sorriso.

Feminina x Feminina
Esse é o meu grande problema. Sou feminina e abordar uma garota feminina é bem difícil, afinal, as duas pensam: quem vai fazer isso primeiro? É sempre mais fácil ficar no papel de quem recebe o primeiro oi. Me arrisquei só duas vezes e já perdi muitas oportunidades que ficaram só nos olhares.

Baladas
Se você quer encontrar uma menina muito legal, talvez não seja o lugar certo. Mas se quiser algumas dicas, na cidade de São Paulo, alguns locais interessantes são: Bubu,  Fradique, Vermont Itaim, The L e Lanterna (para mais velhas). Se quiserem, depois faço uma lista melhor comentando cada lugar, e se alguém tiver algum para indicar, é sempre bem-vinda.

Bate-papo
É preciso ter paciência, mas é possível encontrar meninas legais. As mais “sérias” geralmente têm nicks mais simples (isso não é uma regra),  com nome, idade e/ou cidade. O bate-papo do UOL (entre em namoro – GLS – Lésbicas) costuma ter uma boa frequência. Os chats para bissexuais costumam ter mais homens e se o seu interesse no momento é conhecer uma mulher, não preciso dizer mais nada.

Por enquanto, a minha pífia experiência pode se resumir a isso. Mulheres, me ajudem a deixar isso mais divertido.

Grande abraço!

blogsoubi@gmail.com

The page you were looking for doesn't exist (404)

404!

The page you were looking for doesn't exist.

You may have mistyped the address or the page may have moved.