A casa dos budas ditososCLB é uma baiana de 68 anos que se privou de poucas coisas na vida. Sexo não foi uma delas. Na obra A casa dos budas ditosos, ela conta ter conquistado todos os homens e mulheres que desejou. Nada é impossível. É tudo uma questão de técnica, experiência.

Há relatos um tanto sórdidos que ultrapassam barreiras religiosas e moralistas. Recomendável apenas para quem está disposto a se deleitar, sem amarras, em uma história que chocaria até a pessoa mais libertina.

CLB faz afirmações de forma contundente, deduzindo o que se passa na cabeça da maioria das pessoas. Uma delas é a respeito do desejo homossexual que, segundo ela, todos têm.

Todo homem que disser que nunca, na vida toda, sentiu nenhum tesão por absolutamente nenhum outro homem, até um belo transexual ou um efebo, mas nenhum mesmo, ou está mentindo ou se enganando. O mesmo para as mulheres  que reconhecem esse fato com muito mais facilidade,  talvez porque não tenham que ser machos como os homens e não vivam tão assustadas o tempo todo.

….todas as mulheres gostam de mulher, em graus variados ou até especializados, do mesmo jeito que todo homem gosta de homem, faz parte da constituição de todos, ninguém nasceu com papel sexual rígido, todo mundo é tudo em maior ou menor grau, o resto é medo de fantasmas ridículos e absurdos…

Em suas teorias bissexuais, CBL não acredita em mulheres que dizem “o meu negócio é homem”. São desejos reprimidos, conceitos criados na cabeça das pessoas por diversas razões. O mesmo vale para o homem, que se limita por conta de um machismo construído ao longo do tempo.

Não se sabe até que ponto as histórias são verídicas ou até se CBL realmente existe ou existiu. Apesar de não compactuar com muitos dos relatos (eles ultrapassam algumas de minhas barreiras), não há dúvidas de que ela diz muitas das verdades escondidas pela hipocrisia humana.

O BlogSoubi recomenda o livro para maiores de 18 anos

→ Você se considera bissexual? Não deixe de participar da enquete do BlogSoubi

The page you were looking for doesn't exist (404)

404!

The page you were looking for doesn't exist.

You may have mistyped the address or the page may have moved.