Quais são as principais séries que melhor representam o cenário LGBTQIA (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais, Queer, Intersexual e Assexual)? O BlogSouBi recomenda 9 delas. Alertamos para assistirem com moderação. Há riscos de vício profundo (risos).

The L Word

Indispensável. Essa é uma das séries mais importantes para quem quer “libertar” a sexualidade. Dramas intensos,
traição, negação da homossexualidade, amor verdadeiro e paixões não correspondidas fazem de The L Word uma das melhores séries sobre a temática LGBTQIA. Ponto negativo apenas para a última temporada. Parece que perderam a mão, mas ainda assim vale a pena assistir a todos os episódios.

[Trailer]

The Orange is the New Black [Série original do Netflix]

A história se passa em uma pisão feminina federal. A comédia trata com leveza os problemas e romances das prisioneiras. A protagonista é Piper Chapman (Taylor Schilling), presa por ter ajudado a ex namorada, Alex Vause (Laura Prepon) a transportar uma mala de dinheiro do tráfico de drogas. O problema é que quando a prisão acontece, Piper está noiva de um homem e ao reencontrar Alex começa a repensar o relacionamento.

[Trailer]

RED [Disponível no BlogSouBi]

Um romance inesperado surge entre duas atrizes e colegas de trabalho. Uma é lésbica convicta, a outra é casada com um homem. As dificuldades em lidar com o novo sentimento e a força da primeira paixão lésbica farão você viciar nessa websérie.

Assista no BlogSouBi.

Pretty Little Liers

Focada mais no público adolescente, a trama gira em torno de um grupo de amigas que reúne segredos e mistérios acerca do assassinato de uma delas.  Uma das personagens, Emily (Shay Mitchell) é lésbica e tem medo de compartilhar a sexualidade com as amigas. Uma boa parte da trama envolve as dificuldades de aceitação de Emily e o relacionamento com mulheres.

[Trailer]

Sense8 [Série original do Netflix]

O foco não é LGTBQIA, mas o tema é recorrentemente tratado. Oito pessoas, de diferentes países, estão emocionalmente ligadas. Elas podem se comunicar, falar e sentir as emoções das outras. Aos poucos percebem que juntos são uma força poderosa capaz de alterar o curso de suas histórias. A série discorre sobre o romance de um homem gay e o relacionamento entre duas mulheres, sendo uma delas transgênero.

[Trailer]

Modern Family [Disponível no Netflix]

Mostra de uma maneira leve e divertida os dramas e relacionamentos de uma grande família. O destaque, é claro, vai para o casal de gays, formado por Mitchell (Jesse Tyler Ferguson) e Cameron (Eric Stonestreet). O início da trama discorre sobre uma importante decisão do casal: adotar uma criança.

[Trailer - Ative a legenda do Youtube]

Grace and Frankie [Série original do Netflix]

Duas mulheres são surpreendidas quando seus maridos revelam que estão apaixonados um pelo outro. Eles eram sócios e trabalhavam juntos há muito tempo. Elas se aturavam para manter a diplomacia exigida. Agora, Grace and Frankie vão se unir para tentarem superar a situação.

[Trailer]

Queer as Folk

Apesar de ser focada em cinco homens homossexuais, também revela um pouco do mundo das lésbicas e trans. Assim como The L Word, a série retrata a rotina de alguns membros da comunidade LGBTQIA.

Trailer [Ative a legenda do Youtube]

True Blood

Uma série sobre a relação entre humanos, vampiros, fadas e outras criaturas que co-existem na pequena cidade de Bon Temps. Não espere assistir a todo momento cenas gays e lésbicas entre esses seres, mas haverá romance homossexual entre alguns personagens. Para quem gosta de uma boa ficção, magia e luta entre diferentes “espécies” esperará com prazer para ver cenas com conteúdo LGBTQIA. Vale destacar que a protagonista Sookie (Anna Paquin) se declarou bissexual na vida real.

Veja mais:
Os 10 melhores filmes lésbicos que você precisa assistir

 

The page you were looking for doesn't exist (404)

404!

The page you were looking for doesn't exist.

You may have mistyped the address or the page may have moved.